Lee Seok Cheol, da East Light, refuta as declarações da agência e compartilha mais evidências de abuso!

10/22/2018

Lee Seok Cheol, The East Light, refutou publicamente as recentes declarações da Media Line Entertainment sobre sua alegação de abuso. Seu advogado também revelou mensagens de texto trocadas com Moon Young Il, o produtor acusado de abusar fisicamente e verbalmente dos membros da banda, bem como fotos das lesões de Lee Seung Hyun. Aviso: o artigo contém descrições e imagens de violência. Em 21 de outubro, Jung Ji Seok, o advogado que representa os irmãos Lee Seok Cheol e Lee Seung Hyun, refutou as declarações feitas pela Media Line Entertainment e seu CEO, Kim Chang Hwan. 

Ele afirmou: "Uma parte do debate da mídia sobre a verdade está errada." Ele também enfatizou: "A essência desta situação é que o produtor Moon habitualmente abusou dos membros do The East Light por cerca de quatro anos, começando por volta de março de 2015 até agora. Ele infligiu feridas usando várias armas, incluindo um taco de beisebol, um microfone de metal e um guidão de ferro ". 

Além disso, o advogado revelou evidências fotográficas das lesões sofridas na cabeça, braços, panturrilhas e nádegas de Lee Seung Hyun. Jung Ji Seok também respondeu ao recente relatório que a razão pela qual a agência havia removido Lee Seung Hyun do grupo era seu personagem. 

A agência citou um incidente no qual Lee Seung Hyun supostamente encarou o produtor Moon Young Il e disse a ele: "Por favor, não fale se você é uma pessoa que bate nas pessoas". O advogado comentou: "Um debate para a verdade é apenas um quadro para distorcer a essência da questão. [A agência] chegou a levantar a questão do personagem de Lee Seung Hyun, e eles estão tentando usar a equivalência falsa [como se ambos os lados estivessem parcialmente errados]. Não há nada que possa justificar o abuso. 

O advogado passou a divulgar uma gravação de um telefonema e várias mensagens de texto que o pai de Lee Seung Hyun havia trocado com o produtor Moon Young Il e o CEO Kim Chang Hwan.


Depois que Lee Seung Hyun foi removido do grupo em 4 de outubro, Kim Chang Hwan ligou para Lee Seok Cheol duas vezes, em 11 de outubro e 15 de outubro, e Lee Seok Cheol gravou as duas conversas. Jung Ji Seok, que só liberou parte da gravação para a imprensa, afirmou que está planejando submeter toda a gravação quando registrar as acusações criminais.


Abaixo está uma tradução das mensagens de texto reveladas:


[As duas primeiras conversas são entre o produtor Moon Young Il e o pai de Lee Seok Cheol e Lee Seung Hyun.] 

21 de agosto: 

Pai: Esta é uma foto da ferida que você deixou no corpo de Seung Hyun .. Você pode ter esquecido sobre isso, mas a evidência ainda permanece .. 

Pai: Tenha em mente que você não está em posição de abusar de seu poder, e não cometer atos cruéis ou ofensas criminais como violência física, abuso verbal e vigilância dos membros The East Light. Espero que você pratique respeitando a humanidade de uma pessoa. 

Pai: Sr. Lua Jovem Il, eu espero que você tenha em mente que a partir de agora, se você cometer ofensas criminais contra os membros The East Light, incluindo Seok Cheol e Seung Hyun, que eu não irei apenas tomar medidas legais, mas eu irei também prepare uma grande ação civil contra você. 

Moon Young Il: Eu repetidamente vou ter em mente tudo o que você disse. Pai: Você não parece estar recebendo o ponto. Você não deve apenas manter isso em mente, você também deve colocá-lo em prática. 

22 de agosto: 

Pai: Sr. Lua Jovem Il, esta é uma imagem do guidão que você usou para acertar Seung Hyun, você se lembra? Estou enviando isso para você, para que você possa lembrar, caso tenha esquecido ... 

Moon Young Il: Peço desculpas .. Eu sinto que não há mais nada para eu dizer para você .. [As seguintes duas conversas são entre o CEO Kim Chang Hwan e o pai de Lee Seok Cheol e Lee Seung Hyun] 

20 de agosto: 

Pai: CEO Kim, tentei pensar nisso de uma forma positiva, mas há coisas que simplesmente não estão certas. 

Pai: Eu peço oficialmente que o produtor Moon seja demitido [da empresa]. 

21 de agosto: 

Pai: CEO Kim, estarei em Seul na noite de quarta-feira, 

23 de agosto:

Pai: Você tem tempo para nos encontrarmos e conversarmos cara-a-cara? 

Kim Chang Hwan: Sim. Eu farei o tempo [para te ver].

               Fonte: Soompi / Tradução: Brazil Kpopper